Untitled Document
css3menu.com Facebook

html menu generator by Css3Menu.com

   
 
   

 

 

Nossa Senhora do Paço



O título Nossa Senhora do Paço aparece também com a grafia de “Passo” e a pronúncia de Paçô.  Essa pequena variação fonética não destrói a devoção popular da região chamada Douro, a oeste de Esgueira, diocese de Aveiro, em Portugal.

O historiador português Augusto Pinho Leal descreve tal região da seguinte maneira: “nesta aldeia, há uma pequena e antiga ermida dedicada a Nossa Senhora Alegria, na qual há a imagem de Nossa Senhora do Paço. Consta que a imagem foi encontrada nas imediações dessa aldeia. Na igreja, está em nicho no altar lateral, do lado esquerdo. Celebra-se a festa em 5 de agosto. Para perpétua memória, colocou-se um cruzeiro de pedra, no mesmo lugar onde a Senhora apareceu”.

De acordo com Pinho Leal, as crônicas da época indicam que Paço era pertencente a Barbacena, considerando que o título foi tomado de uma propriedade particular. Os moradores desse lugar construíram uma pequena, mas bonita capela. Houve até mesmo uma irmandade que servia fervorosamente e cuidava do culto.

A padroeira da paróquia no Conselho de Arcos de Valderez, distrito de Viana do Castelo, na arquidiocese de Braga, é Nossa Senhora do Socorro, ou Paçô.

Quando ocorreram as sucessivas migrações conhecidas como “invasões bárbaras”, no princípio do século V, julga-se que a imagem tenha sido escondida, sendo posteriormente encontrada, no fim deste mesmo século. Foi construída uma igreja, que o rei dos suevos Teodomiro, convertido à fé cristã por volta do ano 564, doou ao bispo de Tuy. Esta doação foi confirmada pela rainha Dona Teresa e seu filho Dom Afonso Henriques, em 3 de setembro de 1125.

Alegra-nos contemplar a filial dedicação que há muito tempo se dedica a Nossa Senhora, presenciando as inúmeras variações do nome a ela dedicadas. Assim como Cristo anima a todos, dizendo que até um copo com água dado ao sedento não ficará sem a recompensa, igualmente confiamos que Maria não deixará de atender a quem venerar como verdadeira mãe de Jesus, nosso salvador.

Oração a Nossa Senhora do Paço

 

Lembrai-vos, ó piísima Virgem Maria, que jamais se ouviu dizer que alguém tivesse implorado vosso socorro, reclamado vosso auxílio, fosse por vós desamparado. Animado eu, pois, com igual confiança, a vós, virgem das virgens, como a Mãe recorro. Não desprezeis as minhas súplicas, ó Mãe do Filho de Deus feito homem, mas dignai-vos atender-me. Assim seja.


 

   
 

 

 

 
Santuário Nossa Senhora Aparecida - Arapongas
     
 
 
     
 
Santuário Nossa Senhora Aparecida
2014 - Todos os direitos reservados
(43) 3252-0324
 
 
 
 
Facebook Santuário